Refúgio Ameno

Refúgio Ameno. Do latim Locus Amoenus.

O hábito da leitura não foi natural pra mim. Veio forçado, já na fase adulta, quando eu o impus a mim mesma. Me faltava tempo mas eu queria ampliar horizontes. Então resolvi me obrigar. Ou seja, era necessidade de conhecimento.

Com o tempo, encontrei meu jeito. O horário sagrado. O livro como extensão da mão. Passei a morar dentro das histórias, ver os personagens como seres reais, ter ressaca literária quando terminava um livro, ficar ansiosa para escolher o próximo, me sentir amiga dos autores.

Meus livros se tornaram relíquias. Comecei a organizar o que eu já tinha lido e o que queria ler. Ir na livraria virou um deleite. Admirar as capas dos livros, folheá-los e levar pra casa pra entrar na fila. O hábito virou mania e um universo que girava ao meu redor.

Reconheci uma troca. O autor imagina e desenvolve a história e nos convida para este outro mundo ou nos oferece um conhecimento que ainda não temos ou queremos consolidar. Essa imaginação ou esse conhecimento passa a fazer parte da sua bagagem e, em algum momento, você vai passar para outros. A escrita e a leitura são agentes de transformação.

Depois percebi que ler não era mais só prazer mas também uma terapia, um encontro comigo mesma, um refúgio. Como os poetas árcades que no Século XVIII buscaram a natureza, a simplicidade, o equilíbrio e a razão. E utilizaram termos em latim para descrever essa busca: carpe diem (aproveitar o dia), fugere urbem (fugir da cidade), inutilia truncat (cortar o inútil), locus amoenus (refúgio ameno). E desta inspiração, veio o nome (obrigada, Gabi!) para um blog sobre o mundo da literatura.

A ideia é levar minhas impressões e experiências sobre os livros que leio e também criar um espaço de troca de ideias sobre o universo da escrita, da leitura, do conhecimento. Um Refúgio Ameno.

22 comentários em “Refúgio Ameno

Adicione o seu

  1. Querida Bárbara, ótima idéia essa do blog. Assim como com você, o hábito da leitura veio aos poucos na minha vida pra nunca mais sair. Refúgio, palavra perfeita pra definir como me sinto ao ler, me entrego de corpo e alma e fico imersa horas e horas em um bom livro. Pena que no momento atual já não disponho do mesmo tempo que antes da maternidade, mas me deleitarei com suas resenhas.
    Desejo vida longa ao blog.
    Beijo grande
    Angelita

    Curtido por 1 pessoa

    1. Amiga querida, em breve você vai estar lendo com a Manuela e conhecendo o mundo infantil da literatura também. Continua por aqui e conto muito com suas sugestões. A ideia é trocar sempre!

      Curtir

    1. Inita, amiga querida, espero contar com sua colaboração. Sei que seus olhos vão tornar esse refúgio mais ameno para os amigos que quiserem ler mais. bjssss

      Curtir

  2. Muito legal a ideia do Blog, Barbara.
    Eu sou um viajante intergalático e temporal através dos livros. Aprendi a amar-lis muito novo, pelas leituras de minha mãe, primas mais velhas etc. Posso dizer que por quase 50 anos sempre tive um livro em minhas mãos. Sou daqueles que leem um por um e não vários ao mesmo tempo. Faz pouco tempo, pensei em quantos livros devo ter lido nesses anos. Seria interessante saber, mas penso quase impossível lembrar de todos. 3 coisas me encantam nessa vida, livros, viagens e filmes (nessa ordem). Vai ser muito legal descobrir novos caminhos através de seu blog! Um beijão!

    Curtir

    1. Marcelo, muito obrigada… Adorei saber um pouco da sua história com os livros! E é muito bom poder contar com os amigos que se identificam com esta experiência que é a leitura. Espero contar com suas ideias e sugestões, viu? Aproveitando, o aplicativo que me ajudou a relacionar os livros que já li, quero ler ou estou lendo é o Goodreads que é como uma rede social para os leitores. Vou te mandar um link pra vc conhecer. bjss!

      Curtir

  3. Parabéns!! A criação do blog foi sensacional!!!
    Eu acompanhei esse inicio e sei o quanto todo esse universo te conquistou. Espero ser contagiada e conseguir encontrar um refugio nas suas indicações. Beijos!!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Patrícia, obrigada pelo apoio de sempre. E quero muito que você faça parte dessa turma de leituras do Refúgio! Sua contribuição vale ouro pra mim… bjsss

      Curtir

  4. Querida

    Que lindo esse seu impulso a fazer algo tambem pelos outros.
    Minha paixao pelos livros começou na adolescencia e com muita alegria digo que minha filha seguiu meus pasos…ela adora…ama livros.
    E tenho muita certeza que voce com sua ideia do blog vai ser muito enriquecedora para todos.
    Un abrazo e muitos frutos para seu caminho.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Muito obrigada, Edmeire. Muito legal conhecer a relação de cada um com o universo da leitura. Claro que quero incentivar meus amigos a lerem mas, no final das contas, acho que eu é que vou aprender muito com esse projeto. bjssss

      Curtir

  5. Muito bom você ter compartilhado como se encantou pela leitura e espero conseguir deixar a desculpa da falta de tempo de lado e me habituar a ler livros que não sejam apenas ligados à minha profissão. Até lá, vou te visitando e me inspirando. BJOS.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Giovani, amiga querida, minha opinião é que qualquer boa leitura vale a pena… Eu mesma fiquei três anos lendo material e livros de estudo (vc sabe bem né) e valeu cada linha. bjks 😉

      Curtir

  6. Minha amiga tão querida! Que bom poder matar as saudades através do seu blog, irei te acompanhar. A maternidade praticamente acabou com o meu tempo pra leitura… Eu estava apaixonada e compulsiva pela “Philippa Gregory” inclusive chará da minha Philipa. Caso não a conheça, quando encontrar um tempinho, dê uma pesquisada no trabalho dela, acho que você vai gostar. Muitos beijos.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que alegria te ter por aqui!! Entendo seu momento e não se esqueça de ler muito para sua Philippa… Vou buscar hoje mesmo as informações da autora. A intenção é essa mesma: trocar! Te conto 😉

      Curtir

  7. Que bonito, simples e bonito seu blog. Estava revendo resenhas do livro Drogas e te encontrei. Obrigada pelo tratamento profundo e sensível da nossa obra. Também tenho essa relação com os livros, com a escrita, com as primeiras frases…Siga. Prossiga. beijos

    Curtido por 1 pessoa

    1. Isabel, muito obrigada pelo comentário. Não acreditei quando vi. Eu realmente acho que os livros fazem diferença na nossa vida. E se uma única pessoa que leia a resenha desperte para ler o livro, terá valido a pena. Além disso, essa semana mesmo discutimos o assunto em família e sei q essa experiência de leitura me ajuda. Logo, obrigada por ter escrito essa história. Vou seguir.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: